Cacau: uma fruta que vai muito além do chocolate

O cacau é uma fruta amplamente conhecida no Brasil, devido à sua utilização principalmente na fabricação de chocolate. O seu […]

O cacau é uma fruta amplamente conhecida no Brasil, devido à sua utilização principalmente na fabricação de chocolate. O seu cultivo representa importância econômica, social e histórica, destacando-se como gerador de renda e divisas, impactando o dia-a-dia de milhares de famílias, especialmente nas diversas regiões produtoras do Brasil.

Na verdade, a utilização do cacau para consumo humano é registrada há alguns milênios por indígenas que habitavam as Américas do Sul e Central. Sua importância o levou a ser considerado um alimento sagrado, utilizado em rituais religiosos e associado às bênçãos divinas. Além disso, a sua notabilidade econômica já fez do cacau uma moeda de troca, utilizada para comercialização de outros alimentos, animais e até mesmo escravos.

No cenário nacional, com a chegada do cacau ao Sul da Bahia em 1746, sua excelente adaptação e seu consequente cultivo, a cacauicultura brasileira se consolidou no mercado internacional e fez do nosso país um dos dez maiores produtores mundiais.

Mas, apesar de ser conhecida por participar majoritariamente da composição do chocolate, muitas pessoas nunca tiveram contato com a fruta in-natura. Além disso, percebe-se um despertar para a utilização do cacau como importante fonte alimentícia nos mais diversos produtos, devido ao seu sabor agradável e importantes aspectos nutricionais.

O cacau

O cacaueiro é uma planta originária da Região Amazônica, mas também bem adaptada à região da Mata Atlântica, especialmente ao Sul da Bahia.

A riqueza do fruto do cacau pode ir muito além do que se parece! Sua coloração dinâmica, do verde ao roxo e do amarelo ao laranja, seus diferentes formatos, pesos e tamanhos variados, e ainda sabores e aromas únicos, característicos de cada variedade, região, sistema de cultivo e formas de processo, fazem dele uma importante matéria-prima para os mais diversos produtos alimentícios.
Com toda essa grandiosidade o seu nome científico não poderia ser diferente: Alimento dos Deuses – theobroma cacao, do grego theo (deus) e broma (alimento).

O cacau é normalmente classificado em três variedades: forasteiro, crioulo e trinitário. Cada uma com inúmeras subdivisões e peculiaridades. Mas todas importantes, ricas e muito saborosas.
No Brasil, o cacau mais cultivado e comercializado é o tipo forasteiro, já bem adaptado às nossas condições de clima e solo, e com características que são consideradas a cara do nosso país.

Propriedades e utilização do Cacau

É um fruto com importante valor nutricional, apresentando grande quantidade de compostos fenólicos. Além disso, o cacau tem sido estudado por suas propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes, por auxiliar na atenção e na memória, e por estar amplamente associado à melhora do humor. Estudos apontam que o consumo de cacau aumenta a produção de serotonina no organismo, que é o hormônio responsável pelo bem-estar.

Esses e outros benefícios do consumo de cacau já são amplamente relatados pela comunidade científica desde meados do século passado, e têm recebido especial destaque na sociedade atual.

Como comentado anteriormente, o principal destino do cacau é a produção de chocolate, porém ele é utilizado também para a produção de cacau em pó, manteiga de cacau e outros. A polpa (que recobre as sementes) apresenta sabor adocicado e vem sendo utilizada também para produção de doces, sucos e como fonte de açúcares para a própria cadeia processadora de cacau. Qualquer hora voltaremos para contar mais sobre a polpa de cacau!

O cacau nos produtos da Mombora

Nos produtos Mombora, o cacau é utilizado em dois sabores: Cacau com Castanha e Mocha. A mistura do cacau com castanha ou com café, traz a esses sabores altas doses de energia e resultam em combinações extremamente saborosas.

E não é só isso: trabalhamos com cacau proveniente do Sul da Bahia, obtido em sistemas de cultivo conhecido como Cabruca. Nesse sistema, o cacau é cultivado em harmonia com a Mata Atlântica, de forma a preservar a fauna e a flora local. Para nós, isso é fundamental: unir o sabor e todos os benefícios do cacau com todo o impacto positivo que ele pode trazer aos produtores e ao meio ambiente.

Se você ainda não experimentou essas combinações, não perca tempo, garantimos que não vai se arrepender!

Blog